O estudo a respeito da Constitucionalização do Direito Civil se demonstra necessário e de suma importância para a compreensão da nova teoria dos contratos, mais precisamente no que diz respeito à principiologia clássica da Liberdade de Contratar e Obrigatoriedade dos Contratos, atualmente relativizadas pela inserção dos valores da Boa-Fé e Função Social.